Regulando o pH dos cabelos - principalmente após (des)colorações e alisamentos

Regular o pH dos cabelos após procedimentos que elevam o pH, que naturalmente gira em torno de 5, para mais de 10, é essencial antes de se iniciar qualquer processo de recuperação de cabelos coloridos ou alisados.


Colorações, alisamentos, relaxamentos e descolorações precisam abrir a cutícula do fio para mudar a estrutura da fibra capilar e atingirem os seus fins, e é o pH alcalino dos produtos utilizados nesses procedimentos que levanta as cutículas e permite as alterações de cor e forma dos cabelos. Porém, enquanto o pH não é normalizado e as cutículas permanecem levantadas, o cabelo fica poroso, sem brilho, ressecado e elástico.
Produtos acidificantes vão na verdade reequilibrar o pH dos fios e abaixar as escamas, o que consequentemente potencializa hidratações e reconstruções, mantendo os nutrientes e outros ativos dentro das fibras capilares.

Como usar

Diferente do que eu já li por aí e do que talvez a própria lógica nos leve a pensar, acificantes devem ser usados ANTES de máscaras e outros tratamentos, logo depois do shampoo, e não depois.

Eu sei que é tentador imaginar que como o acidificante vai selar as cutículas, eles devem ser passados no final dos tratamentos para manter tudo lá dentro, até porque como os nutrientes de uma máscara vão penetrar nos fios se as cutículas estão fechadas? Mas não gente, é exatamente o oposto!

O acidificante não vai simplesmente tornar o pH do seu cabelo baixo, ele vai regularizar o pH dos fios e deixá-los em níveis dignos de cabelos saudáveis. Portanto, eles devem ser usados ANTES de máscaras para PREPARAR as cutículas para receber a hidratação e manter ela dentro do fio.
Enquanto o pH na superfície do fio estiver alto e as escamas levantadas, hidratações e nutrientes não vão conseguir se manter dentro do fio, e vão sair junto com o enxágue. Quando o pH é regularizado, as escamas voltam para sua posição normal - que na verdade não são bem "seladas", são assentadas - e os tratamentos conseguem não apenas entrar no fio, mas se fixar no interior e reparar a fibra danificada.

Opções

Temos então a opção baratinha e caseira, o Vinagre de Maçã, e os produtos específicos para regularização de pH dos cabelos.

Vinagre de maçã


Opção muito mais em conta e facilmente encontrada as vezes já na sua própria cozinha, mas que faz milagres e você nem sabia. O melhor vinagre para este fim é o de Maçã, por conter traços de pectina, que atua também como agente hidratante.

Como usar: Após lavar os cabelos 2 vezes com shampoo, passe o vinagre diretamente (sem diluir), massageie e faça uma pausa de 2-3 minutos. Conselho: não tente desembaraçar pois o vinagre não foi feito pra isso hehe. Depois apenas enxágue com água e aplique algum creme condicionante ou uma máscara, faça a pausa necessária e enxágue novamente. E pronto! Sinta o milagre do pH baixo diretamente da cozinha.

K.Pro Ph Balancer Acidificante


Potencializador de tratamentos e selador de cutículas, restabelece o equilíbrio dos fios e sela as escamas, mantendo os nutrientes e outros ativos dentro das fibras capilares. Seu de pH 2,5 normaliza os fios após processos químicos, recuperando a leveza e saúde instantaneamente. Pode ser usado imediatamente após procedimentos que elevam o pH. Conta ainda com a ação de queratina e hidratantes naturais que fortalecem e tratam os fios.

Como usar:
- Para hidratação: após lavar os cabelos 2 vezes com shampoo, retire o excesso de água e aplique o K.Pro pH Balancer mecha a mecha. Massageie e penteie. Deixe agir por 3 minutos e enxágue. Aplique alguma máscara de tratamento, faça a pausa necessária e enxágue novamente.
- Como pós-químico: após finalizar seu processo químico, enxágue totalmente, retire o excesso de água e aplique o pH Balancer. Deixe agir por 3 minutos e enxágue. Prossiga com outros tratamentos.

Joico K-Pak Cuticle Sealer PH Neutralizer



Sela, alinha, suaviza as cutículas, aumenta a elasticidade, e reduz a porosidade. Neutraliza o resíduo de amônia e interrompe a oxidação da coloração. Sua fórmula equilibra o pH ao seu estado natural (4,5 – 5,5). Desembaraça e aumenta a maleabilidade, reduzindo a porosidade e a quebra. Ingredientes: Complexo Peptídico Quadrabond, Óleo Manketti e Óleo de Argan.

Como usar: após lavar os cabelos com shampoo, retire o excesso de água, aplique o K-Pak Cuticle Sealer e deixe agir por 5 minutos. Enxágue bem.

Outros comentários

- Vinagre de maçã entre outros tratamentos acidificantes não costumam ser muito emolientes. Por isso, procure sempre passar depois do acidificador algum creme condicionante ou máscara de tratamento para que o seu cabelo não fique durinho ou áspero.

- Frequência: logo após colorações/descolorações e alisamentos, o ideal é uma vez por semana até você sentir que o pH está normalizando (e o cabelo estiver menos poroso e elástico), que costuma levar de 3-4 semanas. Cabelos danificados, a cada 15 dias. Pouco danificados, uma vez por mês. Ou seja, quanto menos danificado/poroso o cabelo, maior o espaço de tempo.

- Por mais que seja um tratamento muito indicado para cabelos coloridos e alisados, piscinas com cloro (entre outras químicas para tratar e limpar a água) também podem desequilibrar o pH dos cabelos. O pH das piscinas costuma ser mantido alcalino para não irritar os olhos e deixar a água livre de microorganismos. Por isso, fique esperta caso o seu cabelo esteja muito poroso ou elástico.

- Lembrando que em termos capilares, extremos não são legais. Utilizamos produtos ácidos em cabelos que estão com o pH elevado para neutralizar e voltar para o normal que é ~ 5. De maneira nenhuma devemos deixar o pH do cabelo muito inferior a isso. Abaixo de 3 ou acima de 9 a cutícula é danificada da mesma forma.

- A acidificação é tão importante no pós-coloração que algumas marcas já lançaram bálsamos neutralizadores de pH para serem usados imediatamente após descolorações e utilização das tintas.



Publicação atualizada em 12/12/2016.

Nenhum comentário:

Postar um comentário